Natal chega mais cedo ao centro e aos supermercados este ano

Publicado em Jornal de Jundiaí, 04.10.18
Por: Vinicius  Scarton

Foto: Rui Carlos

A tradicional decoração do Centro de Jundiaí alusiva ao período do Natal será antecipada neste ano. A praça Governador Pedro de Toledo estará enfeitada a partir do dia 14 de novembro. A chegada do Papai Noel acontecerá no dia 1º de dezembro, quando as lojas estenderão horário do expediente, com funcionamento das 9h às 22h, de segunda a sexta-feira; e sábados (dias 1, 8, 15 e 22) e domingos (dias 2, 9, 16 e 23), das 9h às 18h. No dia 24, véspera de Natal, o comércio vai funcionar das 9h às 18h.

Para o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas e do Sincomercio Jundiaí e Região, Edison Maltoni, a antecipação da decoração natalina já é uma tendência e muitas cidades começam a oferecer produtos da época já em novembro. “Estamos com ótimas expectativas para o Natal deste ano, com acréscimo nas vendas entre 4% e 6% em relação a 2017. Teremos novidades, como a aquisição de um trenzinho para circular no Centro e também teremos a trupe de Natal, com vários personagens para alegrar a criançada neste período festivo. É, sem dúvida, a melhor época para o comércio varejista e estamos muito otimistas”, afirma.

Essa antecipação divide a opinião dos consumidores. A estudante de Direito, Rebeca de Oliveira Cobra da Cunha, de 39 anos, aprova a iniciativa. “Creio que todas as comemorações sazonais podem ganhar decorações antecipadas e, em minha opinião, o encanto do Natal só aumenta”, afirma. Já o empresário Douglas Augusto, de 55 anos, prefere que a decoração seja realizada mais próximo ao Natal. “Afinal, a data é celebrada apenas no final de dezembro”, diz.

ESPECIALISTA
A terapeuta de casais e famílias pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Marina Vasconcellos, diz que essa antecipação está se tornando algo muito comercial, “muito materialista”. “Trata-se de uma estratégia do comércio para que as pessoas já se planejem para gastar. Mas isso provoca uma aflição nas pessoas, pois concretiza em sua mente e dá a sensação que o ano já acabou antes da hora, perdendo o encanto no mês de dezembro, quando acontecem as festividades”, avalia.

Outro termômetro dessa antecipação são os supermercados. Na maioria das lojas, os panetones de frutas e de chocolate, tradicionais do Natal, já estão sendo comercializados. Gerente de um supermercado em Jundiaí, Ueliton Almeida de São Pedro ressalta que as vendas do produto começaram em agosto. “A demanda está crescendo gradativamente e, num comparativo com 2017, a expectativa de vendas é boa, projetando um crescimento de 10% do volume, em relação ao mesmo período do ano passado”, confirma. Enquanto consumidores, Douglas e Rebeca aprovam a antecipação da comercialização do panetone. Segundo eles, o produto pode ser consumido em qualquer época do ano.

Comente, debata, entre em contato

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s