Combinação que deu certo: amor maduro e online

Publicado em  Viver Agora/Conectado, 10.04.17

Vera e Hélio são inspiração por casarem após namoro virtual

 Nunca passou pela sua cabeça conhecer uma pessoa pela internet, muito menos por um site de encontros? Pois é, mas muitos relacionamentos bem-sucedidos estão começando assim.

Vera Garcia (48) e Hélio Faria (61) tiveram o primeiro contato pelo site Coroa Metade e após um ano de namoro estão casados! Há aproximadamente três anos, Vera, que era solteira, estava em busca de um companheiro e, por ser bastante caseira, essa busca era mais difícil.

Ela tinha medo, mas ganhou o incentivo da mãe para sair atrás de uma opção. Vera começou uma grande pesquisa na internet. “Encontrei o Coroa Metade, fui atrás da história, vi entrevistas com o dono, então tive confiança para me inscrever e fiz uma assinatura de três meses para testar”, diz.

E…surpresa! Com apenas duas semanas, Vera já encontrou Hélio, morador de uma cidade vizinha, divorciado e pai de dois filhos. Claro que ela continuou tomando os cuidados necessários antes de se envolver. “Ficamos conversando apenas pelo site no começo, não passei nenhuma informação de e-mail ou telefone pessoal, pesquisava tudo que ele me falava e até fazia algumas perguntas para ver se ele se contradizia”, explica.

Primeiro encontro

Vera destaca que marcou em local público (um shopping de Campinas, no interior de SP), e deixava tudo avisado para a mãe agir caso algo saísse do combinado. “Depois de um mês de conversas pelo site, e-mail e telefone, nos conhecemos pessoalmente e logo vi que tudo o que ele falava e demonstrava ser era verdade”, conta.

Ela aconselha que as pessoas sejam totalmente honestas e diretas em seus perfis nos sites de relacionamento. Ela deixou bem claro em seu perfil que é deficiente física, devido a um desabamento em sua casa quando tinha 11 anos, em que teve o braço direito amputado. “Eu coloquei minhas fotos e muitos vinham questionar qual era a minha deficiência, por não parecia que eu tinha nada nas fotos. Eu sempre explicava. Mas com o Hélio foi diferente, ele não me perguntou nenhuma vez”, diz apaixonada.

Hoje, casada e feliz, Vera conta que os dois estão realizando alguns sonhos. “Estamos construindo nossa casa, planejamos viajar e temos duas gatinhas e um cachorro, já que nós dois amamos animais!”, destaca.

Segundo a psicóloga Marina Vasconcellos, na maturidade “as pessoas já sabem o que querem num relacionamento, são mais seletivas”. “Querem uma companhia legal, que tenha os mesmos interesses, porque muitos já abriram mão de coisas ao longo  da vida por conta de outros relacionamentos”, explica.
Marina afirma que “depois dos 50 as relações são mais inteiras e mais leves, é uma fase de viver mais intensamente e de cuidar mais de si. Quando você está melhor consigo mesmo, pode estar inteiro numa relação.”

 

Comente, debata, entre em contato

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s